BBB 22: Veja como fazer o prêmio de R$ 1,5 milhão render mais

Veja quais as opções mais indicadas para investir o montante e fazer o dinheiro render mais


Acontece nesta terça-feira (26) a final do Big Brother Brasil 22 e o vencedor da edição vai ganhar um prêmio no valor de R$ 1,5 milhão. Arthur Aguiar, Douglas Silva (DG) e Paulo André (PA) disputam o título de campeão depois de três meses confinados na casa. Com esse montante, o que fazer para o dinheiro render mais e quais as opções de investimentos mais adequados para aumentar o patrimônio?


Antes de responder à pergunta acima, o dono do prêmio precisa organizar suas finanças. Especialistas do mercado sugerem ao futuro campeão analisar todo o patrimônio antes de pensar em investir. É importante quitar as dívidas, criar estratégias constantemente com o objetivo de aumentar a renda e reavaliar as despesas.


“Um ponto imprescindível é separar parte do dinheiro para um fundo de emergência antes de começar a investir. Isso serve para imprevistos e evita que a pessoa não precise tirar dinheiro do aporte. Basta usar a reserva. Depois disso é preciso fazer um planejamento com apoio de um assessor de investimentos. Somente esse profissional está preparado para apontar os melhores caminhos para fazer o dinheiro render mais”, disse Paulo Saad, sócio da WFlow, empresa de investimentos credenciada à XP.


Outra questão importante é entender e respeitar o perfil do investidor. “O conservador não gosta de correr riscos. Já o moderado aceita correr um pouco mais de risco, porém é calculado e visa um retorno maior. O arrojado busca fazer aportes no alto nível com a intenção de ter ganhos altos, mesmo que seja a longo prazo”, disse.


O analista do mercado financeiro explicou ainda que com o cenário da taxa de juros indo para quase 13%, o investidor conservador é muito bem remunerado. Com aplicações tradicionais com liquidez sem tomar risco, ele consegue ter um retorno alto de 1% ao mês.


Afinal, em quais ativos poderíamos investir hoje?


É indicado diversificar o investimento do montante e nunca colocar todo o dinheiro em um único ativo. “Ao invés disso, invista em diferentes tipos de ativos, tanto de renda fixa quanto de renda variável. Os Fundos de Investimento Imobiliário (FIIs) também são uma boa opção para investir, porque os dividendos ocorrem de forma mensal. Sendo assim, eles podem ser uma boa opção para viver de renda ao investir R$ 1,5 milhão com a vantagem de que os dividendos são isentos de imposto”, disse.


Outras opções são os títulos públicos de dívida emitidos pelo Governo Federal, com uma forma de arrecadar dinheiro para os cofres públicos. A vantagem disso é que o risco é bem pequeno, já que você tem a garantia do governo. Os títulos públicos também podem trazer um bom retorno, até porque, no momento a taxa básica de juros está em 11,75%.

0 comentário