top of page

Sem portas giratórias, profissionais trocam bancos pela autonomia dos escritórios de investimentos

Novo jeito de trabalhar e os principais atrativos como autonomia e liberdade têm chamado a atenção de profissionais de bancos tradicionais


O assessor de investimentos é um dos profissionais mais importantes na dinâmica do mercado financeiro. Com autonomia e liberdade, o especialista tem se destacado como intermediário na relação entre investidores e o mercado de ações. Não à tôa, hoje o país conta com 17 mil agentes autônomos focados em ajudar clientes, sejam empresas ou pessoas físicas, a montar uma carteira de investimentos diversificada e compatível com seus objetivos.


A profissão tem se destacado cada vez mais em todo o Brasil, com maior concentração nas regiões sudeste e sul. Dados do Anuário de 2021 da Ancord (Associação Nacional das Corretoras de Valores) mostram que o total de agentes presentes no mercado é o triplo de quatro anos atrás, quando o país contava com 6.000 profissionais habilitados.

Com esse mercado em constante expansão, o que faz um assessor de investimentos, quais as vantagens e os principais diferenciais em relação aos profissionais que ainda atuam em bancos convencionais?

Esse novo jeito de trabalhar e os principais atrativos como autonomia têm chamado a atenção de profissionais com empregos estáveis em instituições financeiras renomadas. É o caso da assessora de investimentos Denise Czapski Simoni, da WFlow, empresa especializada no assunto e credenciada à XP, com sede em São Paulo e dezenas de filiais espalhadas pelo Brasil.


“Depois de 30 anos trabalhando em banco, estudei alternativas para buscar novos desafios utilizando a experiência adquirida ao longo do tempo e fazer o que realmente gosto de fazer. Encontrei na WFlow a parceria que procurava para dar suporte, acesso e conhecimento para melhor atender o cliente investidor”, disse.


Denise levou em consideração a liberdade de atuação e o comprometimento com o cliente ao optar por ser uma agente autônoma no mercado financeiro. Como gerente de conta em bancos comerciais, ela explicou que atendia de modo generalista, atuando em frentes como empréstimos, investimentos, serviços bancários, entre outras.


“Tenho autonomia para organizar minha agenda, atendendo de forma diferenciada e respeitando as necessidades de meus clientes. Como assessora autônoma consigo me aprofundar nos objetivos e expectativas dos clientes, fazer um planejamento de curto, médio e longo prazo, orientá-las nas melhores alternativas do mercado para suas necessidades e acompanhar ao longo do tempo, fazendo correções se necessário. Essa mesma autonomia traz mais comprometimento, responsabilidade e crescimento pessoal”, afirmou.


Foco na gestão

Essa foi a principal mudança no dia a dia do assessor de investimentos Marcus Matos. Agora, ele acompanha os clientes ativos com mais proximidade. Ele explicou que a autonomia o permitiu ter maior equilíbrio entre as necessidades profissionais e o tempo necessário dedicado para a família, saúde e lazer.


“Eu era cliente da WFlow, mas não conhecia o modelo de negócio dos assessores de investimentos. Quando conversei com o Ricardo (um dos sócios), tive a certeza que esse era o caminho a seguir, principalmente por saber que minha remuneração estaria totalmente relacionada com meu esforço”, disse.


E você, sonha em fazer parte de uma equipe especializada e comprometida em ajudar os clientes a aumentarem seus patrimônios por meio do conhecimento e traçando estratégias de acordo com os seus objetivos? A WFlow está com vagas abertas para que novos integrantes possam fazer parte do time de assessores. Para obter a certificação, é necessário realizar o exame elaborado pela Ancord, que pode ser feito de forma on-line ou presencial. Envie seu currículo para o e-mail wflow@wflow.com.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page